HISTÓRIA DE VIDA: A TARDE entrega prêmio Jovem Jornalista

Por Brenda Gomes

Artigos, reportagens, tirinhas e videorreportagensEKS_5989-44 foram as modalidades utilizadas por alunos de escolas públicas e privadas de vários municípios baianos para contar “histórias de vida” no concurso Jovem Jornalista, realizado pelo grupo A TARDE por meio do Programa A TARDE Educação.

A cerimônia de entrega do prêmio, na sexta-feira, 11, no Museu de Arte da Bahia, no Corredor da Vitória, contemplou 24 estudantes com Ipads, tablets e vale-livros – a depender da colocação. Os respectivos professores receberam vouchers para um fim de semana com acompanhante no Catussaba Resort Hotel.

Na abertura, a diretora de Redação do jornal A TARDE, Mariana Carneiro,  ressaltou o compromisso da instituição com a educação. “É uma enorme felicidade para o grupo A TARDE realizar a entrega deste prêmio. Está no DNA da empresa incentivar a educação e sua relação com  a comunicação”, disse.

EKS_6232-149

Para o secretário  de Educação de Maragogipe, Adilton Roque Ferreira, a atividade possibilitou mostrar o potencial das escolas públicas. “Esse prêmio  mostra que estamos no caminho certo, desmistificando que os alunos das escolas públicas não podem brilhar. É um grande incentivo para eles e para nós, gestores da educação”, afirmou.

Primeiro lugar na categoria Artigo de Opinião, a aluna Carina Pimentel, do Sesi Piatã, ressaltou a importância de participar do concurso promovido por uma empresa de comunicação como o grupo A TARDE.

“Não é só ganhar o primeiro lugar, é ser premiada por uma empresa reconhecida. É o primeiro concurso de que participo e me despertou um novo olhar para a área de comunicação, que é tão ampla”, contou.

Para Joelice Braga, coordenadora pedagógica da Secretaria  de Educação de Salvador (Smed), a iniciativa ajuda a fortalecer a autoestima dos estudantes.

“Os resultados são uma grande vitória para todos os alunos e para a educação no nosso município. O Jovem Jornalista serve para que vejamos a aplicação dos saberes obtidos dentro da sala de aula e fora dela. Entregar esse prêmio é dizer para os alunos que eles são capazes, é valorizá-los”, ressaltou.

A cerimônia  homenageou as melhores articuladoras do A TARDE Educação em 2015: Sandra Passos (Santo Estevão), Noélia Pacheco (Barra do Mendes) e Maria do Carmo da Silva (Paulo Afonso). De acordo com  Georgia Oliveira, coordenadora do programa, elas são fundamentais para o desenvolvimento das atividades.

Também participaram do evento – apresentado pelo jornalista Jeferson Beltrão -, o prefeito de Catu, Geranilson Requião;  a secretária de Educação daquele município, Ana Teixeira; a gerente de educação do Sesi Bahia, Cléssia Lobo; o secretário de Educação de Maragogipe, Roque Ferreira; Barbara Adjane Costa, do Colégio Vitória Régia; o gerente de mercado leitor de A TARDE, Luiz Bernardes; e Marta Tatiane, representante da Secretaria de Educação do Estado, entre outros.

Estudantes premiados
Artigo de Opinião : Carina Santana Pimentel, Ana Clara Silveira do Carmo, Victor Fernandes Andrade, Joyce Melo Matos, Matheus Kawan dos Santos e Bruno Santos Silva
Tirinhas : Pedro Henrique Costa Lisboa, Cláudio Barreto da Silva, Yasmin Silva Gonzaga, Richard de Jesus Xavier, Yure Rodrigues de Souza e Manuela Martins de Brito
Videorreportagem: Jonatas Nascimento Pereira, Patrícia dos Santos Gomes, Gabriela Akiko Paranhos Tomita, Denilson de Souza Santis, Alessandra Nascimento Souza e Laryssa Santos de Gouveia
Reportagem Escrita: Andressa Ferreira Lopes, Beatriz de Almeida Santos, Tainá Velyn da Silva Santos, Brenda de Britto Sales, Girlana Santos Andrade e Ingrid Correia dos Santos

 

*O A TARDE Educação Errou: Na edição impressa do jornal A TARDE onde aparece  Maria Karmen Silva ler Maria do Carmo da Silva. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*