Arquivos de Tag: Jornada Pedagógica

CAMINHOS: Coordenador Pedagógico versus Jornada Pedagógica

Naiani Pinheiro* Sabe-se que o trabalho do Coordenador Pedagógico é fundamental para a organização e andamento da unidade escolar. Diante disso, seu trabalho se inicia antes mesmo da Jornada Pedagógica, pois é ele quem irá organizar e decidir juntamente com a gestão o que será trabalhado neste momento. A cada ano a Jornada Pedagógica vem adquirindo mais força e os profissionais da educação estão compreendendo seu verdadeiro sentido, sendo que, este é o período de proporcionar um momento de integração com os professores, mostrando informações sobre suas turmas, fazendo-os conhecer o modo que a escola trabalha, além de informá-los sobre as demandas que a mesma possui. Nestes dias se é discutido sobre o planejamento, mas ao contrário dos planejamentos feitos diariamente, este tem o objetivo de traçar como se dará o trabalho de todo o ano letivo. O planejamento anual que deve ser orientado pelo Coordenador Pedagógico diz respeito como o professor irá trabalhar, de que forma acontecerá a Atividade Complementar (AC), quais meios serão utilizados para integrar a escola à comunidade e fazer com que a família se torne ainda mais presente, além de analisar projetos, sequências didáticas, datas comemorativas, dentre outros quesitos a serem trabalhados no atual ano letivo. Há questões que possibilitam ao professor um grande auxílio em seu planejamento no decorrer do ano que é a construção ou análise do plano de curso, a revisão do Projeto Político Pedagógico (PPP) da escola e as formações continuadas. É de fundamental importância a presença do Coordenador nesta ocasião, pois é ele quem propiciará momentos com a equipe pedagógica oportunizando discussões com questões que poderão nortear o trabalho do professor durante todo o ano letivo.  *NAIANI PINHEIRO é graduada em Pedagogia pela UFRB, atualmente atuando como Coordenadora Pedagógica na Escola Municipal Raimundo Cardoso de Andrade no Município de Brejões-BA. Leia Mais »

Jornada Pedagógica de Conquista discute sobre os desafios do professor

A conferência de abertura da Jornada da Educação, nessa quinta, 11, trouxe à tona uma reflexão sobre os desafios dos educadores na atualidade. Sob a responsabilidade do filósofo e historiador Leandro Karnal, a palestra colocou em debate assuntos relacionados às atividades dos educadores. Com o tema “Educação e sociedade”, Karnal falou sobre a escola no século XXI e os principais desafios enfrentados pelos professores na transmissão do conhecimento aos alunos. O também professor destacou a relevância da escola para a formação do homem, ressaltando que no passado a escola era transmissora de conteúdo, e não exatamente de valor moral. Segundo ele, dar aula atualmente é muito mais difícil que há 50 anos, uma vez que a educação não é mais uma atribuição da família. “Recebemos toda a responsabilidade, mas não recebemos todo o poder. Querem cada vez mais que eu faça tarefas maiores, com cada vez menos tempo e menos poder”, ressaltou. Durante a sua comunicação, Karnal também comentou os desafios dos educadores diante das transformações da sociedade e das constantes atualizações das novas tecnologias. “Hoje a educação precisa estar à frente das informações. Temos que seduzir alunos diante de tantas novas tecnologias”, disse, frisando que os conteúdos mais importantes a serem transmitidos aos alunos são os valores e as formas de trabalhar o pensar. “Todo mundo pode dar aula, mas poucos sãos os que podem ser professores. É preciso saber que essa profissão tem um valor extraordinário. Somos o tijolo fundamental para a construção do homem, somos a única função universal do planeta Terra. Não existe função mais notável do que essa”, concluiu o historiador. ADMIRADORES – A consultora do Sebrae, Patrícia Quadros, foi uma das 1.800 pessoas que assistiram à palestra de Leandro Karnal na abertura da Jornada da Educação. Fã declarada do historiador, ela aprovou a reflexão que ele provocou. “Acho ele muito provocativo, nos leva à reflexão. Faz uma análise muito bacana das mudanças da realidade, naturalmente constantes. A Prefeitura de Vitória da Conquista está de parabéns em trazer nomes como esse, tem que continuar a fazer isso sempre”, declarou. Outra admiradora do trabalho de Karnal, a psicóloga Daniela Miranda, também aprovou a palestra. “Tenho um encantamento por Karnal, pela mensagem que ele traz, que é de emocionalidade, porque ele traz uma ... Leia Mais »

Discutindo transformação e práticas da educação, município de Teofilândia inicia atividades

Com o tema “Formação Continuada, Transformação da Prática Educativa” foi realizado na última quita-feira (03), o Encontro Pedagógico 2016, da cidade de Teofilândia. O Encontro Pedagógico é um dos momentos mais importantes da Educação, permite que os autores principais – professores, diretores, gestores, motoristas, porteiros, agentes de limpeza, entre outros – possam discutir e planejar um novo ano letivo, pensar a escola que queremos e buscar alternativas para essa finalidade de modo coletivo. O evento contou com a presença do prefeito Adriano de Araújo, do secretário municipal de educação e cultura José Luciano Oliveira (Dudu), da presidenta do Conselho Municipal de Educação Clarice Freitas, da diretora do CERLA Ana Carla Oliveira, da coordenadora da APLB Vera Moura, da vice presidenta do conselho municipal das mulheres Maria das Graças Araújo, professores, coordenadores, trabalhadores em Educação, secretários, representantes de entidades públicas e particulares. Durante a atividade o prefeito Adriano elogiou todos os trabalhadores da Educação e disse estar muito contente com o trabalho que vem sendo realizado por cada servidor público. “Ainda podemos melhorar. Temos avanços, porém, tudo que é bom pode ser melhorado. E esse é o nosso desafio, melhorar e fazer sempre mais. Por isso conto com a colaboração de todos para colocarmos a Educação Municipal em posição de destaque. Juntos, nós chegaremos longe, e o município só tem a ganhar. Que todos os profissionais andem de mãos dadas buscando sempre o melhor para Teofilândia”, frisou o prefeito. A programação ainda contou com a presença da mestre em gestão e políticas da educação Maura Miranda e da Orquestra filarmônica 30 de Junho. Foto Seduc Teofilândia Leia Mais »

Contribuição da família no desenvolvimento escolar é tema de Encontro de Pais de Alunos, em Araci

Dando inicio às atividades do ano letivo, nesta quinta-feira (04) a Secretaria de Educação de Araci, realizou o IIº Encontro de Pais de alunos da rede municipal. Durante a atividade a foi abordada a  importância da família durante a formação escolar dos alunos e no desenvolvimento da comunidade escolar. O encontro contou com a presença do professor José Wilson dos Santos, Diretor da Faculdade Ages, que discorreu sobre o tema “A contribuição da escola para o crescimento das pessoas, fortalecimento das famílias e desenvolvimento das comunidades”. A programação do evento também contou com apresentações dos alunos atendidos pelo programa Mais Educação, da regional Poço Grande, sob a orientação do monitor Carlos Henrique. Na oportunidade, a Secretária Manuela Texeira ressaltou e incentivou a campanha em defesa das crianças fora da escola, do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e do Instituto de Estatística da UNESCO (UIS) em parceria com a Campanha Nacional pelo Direito à Educação da qual faz parte a mobilização “Fora da escola não pode!”. Nesse momento foram entregues aos pais camisas com o slogan da campanha. Fotos Divulgação Seduc Araci Leia Mais »

Secretaria de Paulo Afonso realiza Jornada Pedagógica 2016

Por Washington Luís Com o tema “Currículo e Práticas Pedagógicas: Respeitando a Diversidade”, a Secretaria Municipal de Educação abriu nesta segunda-feira, 25 de janeiro no auditório do CEMPA, a Jornada Pedagógica 2016. A Jornada Pedagógica é momento em que profissionais da educação partilham ideias, ensinam e aprendem na coletividade, com o propósito de promover o fortalecimento do processo educativo, por meio da análise dos indicadores educacionais, dos valores e da cultura das escolas. Participaram da abertura, a secretária Municipal de Educação, Selma Carvalho; o promotor de justiça da Vara de Infância e Juventude, Moacir da Silva Nascimento; o assessor pedagógico da Editora Moderna, Jackson Rolim, que proferiu a primeira palestra; as conselheiras tutelares, Luciene Rodrigues e Marina Nunes, além de gestores escolares, coordenadores e educadores da Rede Municipal.  As atividades que prosseguem nas escolas com a participação de diretores, coordenadores e educadores e se encerram na sexta-feira (29) fortalecem as práticas educativas e socialização de metodologias que despertem o interesse, a participação e a aprendizagem dos estudantes. A Secretaria Municipal de Educação apresenta orientações para a implantação de ações pedagógicas nas unidades escolares, durante o ano letivo de 2016, que terá início no dia 1º de fevereiro. Leia Mais »

Jornada pedagógica de Santo Amaro aborda educação contemporânea e papel do educador

Com o tema “Avaliação: O Caminho para construção de si mesmo” a jornada pedagógica 2015, no município de Santo Amaro aborda temas como a Educação Contemporânea e o papel do educador. Professores do município, da Sede e das áreas rurais, gestores, coordenadores, e toda equipe da secretaria municipal de Educação se reuniram ontem (24), data que iniciou a jornada, no Teatro Dona Canô, para discutir as ações que serão implementadas ao longo do ano letivo em 2015, nas escolas das redes municipais. Mais de 800 educadores participam do evento que vai até o dia 26 de fevereiro. O Secretário responsável pela pasta da Educação, Tales Campos abriu oficialmente os trabalhos e convidou os professores a refletirem sobre qual olhar deve ser dado à educação. “Professores e alunos são seres em constante evolução e construção e essa edificação se faz por meio de ideias”, enfatizou. O Secretário frisou ainda, os projetos para serem implantados em 2015 e destacou as inaugurações das unidades escolares, os investimentos feitos desde fardamento, material didático, até a frota. O município de Santo Amaro conta atualmente com 73 escolas; todas reformadas e ampliadas, além das seis escolas construídas a cada ano desta gestão. A jornada é feita pelo corpo acadêmico que escolhe o tema e aproveita o momento para investir no professor, estimular a sensibilidade deste profissional e valorizar a mola mestra da educação. É também o momento importante de instigar e fomentar o conhecimento que já existe dentro de cada educador. Além de toda parte estrutural, a prefeitura de Santo Amaro, através da secretaria municipal de Educação investe também na aquisição de materiais didáticos e fardamento para rede municipal de ensino. A Preocupação com a alimentação, merenda escolar e com a qualificação dos professores é constante. 40 escolas participam do Programa Mais Educação. A frota da educação conta com 11 ônibus amarelinhos e mais 30 veículos que atendem a Sede e os Distritos. Até o dia 26, o corpo acadêmico realizará oficinas, palestras, mini-cursos que acontecerão de forma paralela, nas escolas e no Teatro Dona Canô. *Por Janara Rodrigues Leia Mais »

Professores encerram atividade da Jornada Pedagógica de Conceição do Almeida

O município de Conceição de Almeida encerrou nesta quinta-feira (05) a Jornada Pedagógica 2015. Promovida pela Secretaria Municipal da Educação do município, e abordando o tema “Educação Integral: Direitos, Desafios e Perspectivas”, a Jornada Pedagógica 2015 integrou o calendário anual da Secretaria de Educação, com objetivo de nivelar as ações e adotar novas metodologias no processo de formação, visando oferecer um ensino de qualidade para os alunos, capacitar professores e trocar experiências e conhecimento em prol da educação Almeidense, que serão desenvolvidas e aperfeiçoadas durante o ano letivo de 2015. Com uma grade variada o evento contou com o Momento Cultural, Conferência sobre “Educação Integral: Direitos, Desafios e Perspectivas” com a palestrante: Claudia Cristina Pinto, Mestre em Família na Sociedade Contemporânea, diálogos compartilhados, oficinas ligadas ao tema Educação Integral, além de discussões sobre escola, materiais didáticos, planejamento escolar e projetos pedagógicos aplicados em sala de aula. Leia Mais »

Jornada pedagógica de Licínio de Almeida aborda “novas práticas” nas salas de aula

Com o tema “Educação: Novos Tempos, novas Práticas” A Jornada Pedagógica 2015 no Município de Licínio de Almeida aconteceu entre os dias 26 e 30 de janeiro do corrente ano. Professores e gestores das redes estadual e municipal estiveram envolvidos nesta, que segundo os próprios professores foi a  melhor jornada pedagogia dos últimos tempos. A equipe da Secretaria Municipal de Educação, liderada pela competência da Professora Karla Mychely Teles de Miranda Santana, Secretária Municipal de Educação, montou uma estratégia nova para trabalhar a Semana Pedagógica, trabalhando além do cronograma escolar, qualidade do ensino a autoestima dos professores. As atividades foram encerradas com uma festa no Clube Municipal caracterizada como “O Mestre na Pista”, oferecida pela  Secretaria da Educação do município. Leia Mais »

Jornada pedagógica prepara rede municipal de Salvador para ano letivo

Cerca de mil pessoas, entre diretores e professores da rede municipal, participam nesta sexta-feira (30), durante todo o dia, no Hotel Fiesta, da abertura da Jornada Pedagógica 2015, que prepara a rede municipal de Salvador para o início do ano letivo. O prefeito ACM Neto e o secretário da Educação, Guilherme Bellintani, farão a abertura do evento. Com o tema “Alfabetização: um compromisso com a cidadania”, o evento, realizado pela Secretaria Municipal da Educação (SMED), tem como objetivo preparar e motivar a rede para receber os alunos no retorno às aulas, no dia 5 de fevereiro. A jornada será realizada nos dias 3 e 4 de fevereiro em todas as 427 escolas da rede municipal, mobilizando os cerca de sete mil profissionais da Educação. Após o credenciamento dos participantes, a abertura oficial será feita às 8h30 pelo prefeito ACM Neto e pelo secretário Guilherme Bellintani. Às 10 horas será iniciada a palestra “Alfabetização: um compromisso com a cidadania, um direito à aprendizagem e ao desenvolvimento”, ministrada por Carla Chaves. A palestrante é formada em Pedagogia com habilitação para Orientação Educacional pela Faculdade de Educação da Bahia (FEBA); pós-graduada em Programa de Formação em Desenvolvimento e Aprendizagem pelo Centro de Formação e Pesquisa/SAPIENS e CORPE (Portugal) (2007) e Formação em Dinâmica de Grupo pela AGRUPARH Consultoria e Treinamento (1999); especialista em Psicopedagogia Fundamentada na Epistemologia Convergente/Universidade Católica/CRIA (1997) e Especialista em Educação Infantil, Universidade do Estado da Bahia/ UNEB (2000). Com formação em autoconhecimento, pela Escola Rubi. Além de formadora em Instituições Educacionais diversas, dentro das temáticas de aprendizagem, desenvolvimento infantil, avaliação e formação moral/afetiva/relacional. A partir das 13h30 serão apresentados os resultados parciais do Programa Salvador Avalia (PROSA) e do Questionário Sócio-educativo que será respondido pelos professores ​.​ Leia Mais »

Criar disciplina não é a única solução

Por Davi Lemos O professor da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) e da Universidade Federal da Bahia (Ufba) César Leiro ressalta que não é necessário haver uma disciplina específica sobre educação ambiental e desenvolvimento sustentável para que estes temas sejam tratados em sala de aula. Leiro, que é doutor em educação pela Ufba, destaca que, “diante do acelerado processo de destruição da natureza e da dificuldade dos governos de enfrentar a questão do ponto de vista educacional e social, são legítimas as preocupações das Nações Unidas”. O professor ressalta que, a partir da escola, é possível buscar e construir alternativas para o papel do estado e da sociedade em busca de uma sociedade ambiental e socialmente sustentável. O apelo da Unesco realizado no Japão marcou o fim da Década das Nações Unidas de Educação para o Desenvolvimento Sustentável, iniciado em 2005. Mas, mesmo no Japão, país conhecido pelo desenvolvimento educacional e práticas sustentáveis, apenas 20% dos habitantes sabem dizer o que seria educação para o desenvolvimento sustentável. A reversão de quadros como estes, observa o professor César Leiro, “não ocorrerá com a criação de uma disciplina, mas com a associação dos campos do trabalho, da educação, da saúde e do meio ambiente”. Segundo o professor, é fundamental o uso de conteúdos midiáticos em diferentes linguagens. Níveis distintos É fundamental ainda que o desenvolvimento sustentável seja tratado nas séries da educação básica, com valorização da infraestrutura escolar e formação constante do corpo docente. Mas César Leiro destaca a atenção que deve haver também no ensino superior. “Nesse último, é necessário garantir a indissociabilidade das atividades de ensino, pesquisa e extensão”, apontou o professor da Ufba e da Uneb. Ele salienta que deve haver um acompanhamento pedagógico sobre a questão do desenvolvimento sustentável que possibilite ao estudante produzir e socializar conhecimento sobre o tema. “Isto contribui para que o estudante faça da educação algo que fique com ele”, ressalta. Visão holística O coordenador de educação ambiental da SEC, Fábio Barbosa, destaca que o estudante deve observar o ambiente como algo realmente próximo, não dissociado da realidade. “O estudante deve ser estimulado a ter uma visão holística”, explica. O estímulo ao uso racional da água e da energia elétrica não deve ser visto somente como algo que reduzirá ... Leia Mais »